Roubar dinheiro da alimentação de crianças, é algo aterrorizante, pois esse é o principal papel do Prefeito de Pinheiro

OPERAÇÃO 5ª POTÊNCIA: Polícia Federal pediu a prisão do prefeito de Pinheiro, Luciano Genésio pivo dos desvios da alimentação das criancinhas  ameaçado de PRISÃO, AOADO DO AMIGO WEVERTON ROCHA 

Durante coletiva de imprensa na manhã desta quarta-feira (23) na Superintendência da Polícia Federal no Maranhão, os delegados Leandro Ribeiro – de Combate ao Crime Organizado e Felipe Cardoso – chefe da Delecor – Delegacia de Repressão à Corrupção e Crimes Financeiros, disseram que a PF pediu a prisão do prefeito do município de Pinheiro, Luciano Genésio, do PP.
No entanto, os delegados argumentaram que a solicitação da Polícia Federal foi negado pelo TRF (Tribunal Regional Federal) da 1ª Região que apenas autorizou buscas e apreensões. Porém, a partir do material colhido poderá ser feito um novo pedido de prisão contra o chefe do executivo pinheirense.
Respondendo à perguntas de jornalistas, Leandro Ribeiro e Felipe Cardoso explicaram que a “Operação 5ª Potencia” teve foco na prefeitura de Pinheiro, contudo, o mesmo grupo criminoso atua em outras prefeituras também alvos de buscas e apreensões, como São Bento e Perim-Mirim.
Empresas de fachada registradas em São Luís que usadas para “desovar” dinheiro público também foram alvos da Federal.
A “Operação 5ª Potencia” tem por finalidade de desarticular esquema criminoso voltado a promover fraudes licitatórias, superfaturamento e simulação de fornecimento de gêneros alimentícios da Merenda Escolar, com desvio de recursos públicos federais do programa FNDE – PNATE – (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação – Programa Nacional de Alimentação Escolar).
Aliás, por análise – óbvia – , um prefeito ser acusado de roubar dinheiro da merenda escolar das criancinhas é algo aterrorizante!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *